Resenha | Quando o amor bater à sua porta – Arqueiro

Olá, pessoas lindas! Hoje eu vim falar com vocês sobre Quando o amor bater à sua porta. Escrito pela autora Samanta Holtz e publicado pela Editora Arqueiro, este foi o melhor romance nacional que eu li em 2016. Espero que gostem!  💖

quandooamorbater_capaweb

Título: Quando o amor bater à sua porta | Autora: Samanta Holtz | Editora: Editora Arqueiro | Páginas: 304 | Ano: 2016 | Adicione: Skoob | Avaliação: ⭐⭐⭐⭐⭐❤ | Compre o Livro: Amazon (comprando por este link, você contribui para o crescimento e desenvolvimento do blog ♥).

Malu Rocha é uma escritora de 29 anos independente, confiante e bem-sucedida. Mora sozinha em São José dos Pinhais, perto de Curitiba, onde mantém uma rotina regrada de pedalar todas as manhãs, escrever e, semanalmente, visitar o avô de 98 anos em uma casa de repouso.

Malu vê sua vida toda controlada sair do eixo quando um homem bate à sua porta e se apresenta como Luiz Otávio Veronezzi e diz ter perdido uma reunião marcada com ela. Ela não se lembra do compromisso e sua primeira reação é dispensá-lo. Mas o belo desconhecido insiste, explicando que sofreu um acidente de carro, ficou em coma e perdeu a memória, assim como seus documentos. As únicas coisas que restaram foram um pouco de dinheiro e um papel com o nome e o endereço de Malu, o nome dele e a data da reunião. Luiz confessa que a escritora era sua última esperança para descobrir a própria identidade.

O problema é que ela não tem a menor ideia de quem ele seja. Desconfiada, mas sentindo-se responsável pelo acontecido, Malu decide ajudá-lo e embarca em uma jornada para descobrir quem ele é – o que acaba trazendo à tona muitos fatos sobre si mesma, seus medos e segredos mais bem guardados, além de um passado que preferia esquecer.

  pomelo_20170104215804_save

“O amor é um barco à deriva que ninguém deve tentar controlar; apenas sentir o vento. Não resista. Não tente fugir. Apenas deixe-se levar. Deixe-se amar. Deixe-se.”

Este foi um livro que me conquistou logo no primeiro capítulo. Malu é aquela personagem que toda mulher ama: bem resolvida e dona do próprio destino, e presenciar o seu desenvolvimento na trama foi encantador. Acompanhá-la enquanto escritora foi também uma experiência ímpar. Através da escrita da Malu, senti o tempo todo que a Samanta estava colocando sua alma na história, usando-a como uma forma de deixar um pedacinho de si ali e isso foi o que mais me encantou durante a leitura – sentir como se a Samanta estivesse conversando diretamente comigo.

Luiz Otávio veio para abrilhantar ainda mais a história, com as suas diversas nuances cheias delicadeza e sabedoria. E o mistério de sua chegada repentina só o torna mais intrigante, como um quebra cabeças a ser montado onde cada peça o faz ser mais primoroso. Me vi em um dilema ao querer chegar logo ao fim da leitura e confirmar minhas suspeitas acerca de sua identidade e ler devagar para aproveitar cada momento.

Foi extremamente arrebatador acompanhar como a ficção que a personagem da Malu criou em seu livro entrelaça-se com sua vida real. A cada página vemos o quanto o encontro desse dois foi minuciosamente arquitetado pelo senhor destino. Era para acontecer e ponto. E juntos eles vão protagonizar uma história de amor daquelas inesquecíveis.

img_20170104_221527_521

“Ás vezes, o motivo das nossas aflições não é o que fazemos, mas o que deixamos de fazer.”

Sem dúvidas, o ápice deste livro é a escrita da Samanta. Com sua narrativa minuciosamente detalhada, Samanta tem o dom de unir cada pequena palavra e transformá-la em poesia, cativando e envolvendo o leitor e o transportando para além da leitura. Cada um dos personagens é muito bem estruturado e aprofundado e a forma sutil com que a essência da Malu é inserida na trama transmite um sentimento de compreensão intenso e único, fazendo com que o leitor vivencie intensamente seus dramas.

Sabe aquela leitura tão deliciosa que você lê bem devagarinho, desejando intensamente que nunca acabe? Quando o amor bater à sua porta é aquele clichêzão que a gente ama, mas que não deixa de surpreender a sua maneira e traz uma linda história de amor a ser apreciada em sua plenitude. Uma leitura marcante e envolvente que vai te fazer refletir sobre o amor e suas diversas formas, te encantar e fazer suspirar até a última página.

c360_2017-01-04-22-19-05-879

“Ser incapaz de resolver de resolver os problemas de alguém não é motivo para deixar de fazer o que está ao seu alcance.”

Karen Silva

20 anos, estudante de Nutrição. Vejo na literatura uma constante e instigante forma de aprendizagem. Os livros me abrem os olhos para as possibilidades e espero nunca perder o gosto por eles.

Um comentário sobre “Resenha | Quando o amor bater à sua porta – Arqueiro

  1. Jéssica Medeiros disse:

    Genteee, quero pra ontem!!! A personagem é escritora, já me identifiquei, só falta a parte do “bem sucedida” na minha vida também, mas o tempo em quem manda hahaha Gostei demais e ainda saber que é um livro brasileiro…. É, to numa vibe de ler muitos brasileiros <3 Já ta colocado entre os primeiros da lista!!

Deixe uma resposta