TOP 5 | O CINEMA E A VIOLÊNCIA SEXUAL

Oi pessoal, como vocês estão? Hoje trago um assunto bem sério. Como vocês já devem ter lido nos últimos dias, foi revelado que a famosa cena de estupro no filme ‘O Último Tango em Paris’, foi pensada pelo diretor Bernardo Bertolucci e pelo ator Marlon Brandon, na época com 48 anos, mas filmada sem o consentimento da atriz Maria Schneider, no tempo com apenas 19 anos – você pode ler mais sobre isso, aqui. Pensando – e muito – sobre o assunto, decidi trazer para vocês hoje, 5 filmes e documentários sobre essa pauta que ainda é muito falada e, infelizmente, muito recorrente.

5. HOT GIRLS WANTED (2014)

O documentário original da Netflix mostra relatos sobre as realidades por dentro do mundo da indústria pornô amadora e o constante fluxo de garotas de 18 e 19 anos de idade entrando no meio. Apesar de ter uma classificação baixíssima, é um ponto para começar.

'Hot Girls Wanted' (2014) - Fonte: Tumblr

‘Hot Girls Wanted’ (2014) – Fonte: Tumblr

4. FILHA DA ÍNDIA (2015)

Um grupo de seis homens estupra uma mulher de 23 anos anos em um ônibus, em dezembro de 2012 em Nova Déli, e dias depois ela morre no hospital por graves ferimentos internos. Indignadas pela violência, mulheres do país inteiro vão às ruas protestar, mobilizando uma onda mundial de aversão a tal ato. Entrelaçada com a história, as vidas, valores e mentalidades dos estupradores com quem a cineasta teve acesso. Uma reflexão sobre a sociedade e seus valores que geram tais atos violentos e um apelo otimista para uma possível mudança.

'Filha da Índia' (2015) - Fonte: Tumblr

‘Filha da Índia’ (2015) – Fonte: Tumblr

Vale informar que no documentário, dois dos estupradores afirmaram não se arrependerem do ato. “Ela deveria ter ficado em silêncio e aceitado o estupro”. 

3. THE HUNTING GROUND (2014)

Documentário sobre os inúmeros casos de estupro nos campus universitários americanos, explorando os problemas com as administrações dessas instituições, que se preocupam mais encobrir os fatos do que resolvê-los. Com depoimentos de vítimas, um retrato de como as pessoas que sofrem esse tipo de violência lutam por justiça e educação, apesar da frequente retaliação e assédio com as quais são obrigadas a conviver.

'The Hunting Ground' (2015) - Fonte: Tumblr

‘The Hunting Ground’ (2015) – Fonte: Tumblr

Para quem não sabe, esse documentário é aquele que tem Lady Gaga na trilha sonora. A cantora que já revelou ter sido abusada quando tinha 19 anos, escreveu a música ‘Till It Happens To You e fez uma apresentação memorável no Oscar de 2016, trazendo ao palco várias vítimas de abuso, com mensagens do tipo ‘Você não é culpada(o)”.

2. PRECIOSA (2010)

1987, Nova York, bairro do Harlem. Claireece “Preciosa” Jones (Gabourey Sidibe) é uma adolescente de 16 anos que sofre uma série de privações durante sua juventude. Violentada pelo pai (Rodney Jackson) e abusada pela mãe (Mo’Nique), ela cresce irritada e sem qualquer tipo de amor. O fato de ser pobre e gorda também não a ajuda nem um pouco. Além disto, Preciosa tem uma filha apelidada de “Mongo”, por ser portadora de síndrome de Down, que está sob os cuidados da avó. Quando engravida pela segunda vez, Preciosa é suspensa da escola. A Sra. Lichtenstein (Nealla Gordon) consegue para ela uma escola alternativa, que possa ajudá-la a lidar melhor com sua vida. Lá Preciosa encontra um meio de fugir de sua existência traumática, se refugiando em sua imaginação.

'Preciosa' (2010) - Fonte: Tumblr

‘Preciosa’ (2010) – Fonte: Tumblr

1.AUDRIE & DAISY (2016)

Em duas cidades de locais diferentes dos Estados Unidos, duas adolescentes são vítimas de estupro em uma festa em que são dopadas por garotos que consideravam seus amigos. Após a violência, elas são assediadas virtualmente, e a depressão e a vergonha as encaminham para o suícidio, e tragicamente, uma delas morre. Audrie & Daisy explora a perspectiva dos adolescentes e suas famílias, incluindo os meninos envolvidos e as garotas dispostas a falar publicamente pela primeira vez.

'Audrie & Daisy' (2016) - Tumblr

‘Audrie & Daisy’ (2016) – Tumblr

Como modo de complementar o assunto, podemos relacionar os filmes 4 e 3, com dois casos lastimáveis que aconteceram no Brasil. Para saber mais clique aqui e aqui.

Ate terça que vem pessoal, beijos ♥

Fernanda França

Fernanda, 19 anos, libriana, praiana e futura jornalista. Apaixonada por escrita, cinema, leitura, playlists, um sorriso aí e fã de Taylor Swift.

2 comentários sobre “TOP 5 | O CINEMA E A VIOLÊNCIA SEXUAL

  1. Jéssica Medeiros disse:

    Eu fiquei tão revoltada quando soube da declaração do que ele mesmo soltou sobre “O Último Tango em Paris”. Quando nós, mulheres, falamos sobre a violência, quase ninguém acredita, mas foi só ele afirmar o que ela passou a vida inteira falando, e ai todos acreditaram. Isso é tudo tão revoltante…. Adorei o post com filme que falam sobre isso e que possam conscientizar as pessoas de alguma forma.

Deixe uma resposta