Resenha | O Último Adeus – DarkSide®

E aí, pessoal? Essa é uma das resenhas pertencentes a lista de “não satisfatória”. Se você é um resenhista ou trabalha com algo relacionado à produção entenderá o quão é difícil falar sobre algo que amamos sem repetir a palavra magnífico (e seus derivados), constantemente. De antemão, saiba que é uma obra fabulosa.

o-ultimo-adeus-cynthia-hand-darkside-books-capa-cover-final2Título: O Último Adeus.
Autor: Cynthia Hand.
Número de Páginas: 352.
Editora: DarkSide® Books
Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

É certo que algum dia iremos passar por alguma experiência relacionada a morte e o peso que cada uma irá nos causar é variável, é o que acontece em O Último Adeus.

Num passado recente, uma família habitava um território do Nebraska, constituída por mãe, pai e um casal de filhos. Entretanto, ao decorrer deste ponto ao presente, ocorreram grandes conflitos, um deles marcado pela separação dos pais de Alexis e Tyler e o próximo, há dois meses, protagonizado por Tyler e o seu suicídio.

“Desculpa, mãe. Mas eu estava muito vazio.”

‘Atualmente’, o foco principal é em Lex e sua mãe com sua experiência pós-suicídio-de-um-familiar. Lex sente-se desolada, pensando o que poderia ter feito para salvar seu irmão, relembrando velhos momentos e frequentando um psicólogo. Enquanto isso, sua mãe não abandona sua casa, uma taça de bebidas e objetos significativos do seu filho morto.

“As pessoas que amamos nunca se vão realmente.”

A continuidade da narrativa é embasada na ida de Lex ao psicólogo, a dura vida da família e novas descobertas.

Pré venda na Amazon - O Último Adeus

Imagem de divulgação da obra de Cynthia Hand.

Essa é uma obra espetacular. O Último Adeus não envolve apenas o fictício, mas uma relação mais profunda e compreensiva, onde nos tornamos o personagem e encaramos o sofrimento de cada um sobre a perda. O livro mostra como cada pessoa marcante na vida de Tyler, encarou e afetou-se com a sua morte, mesmo com alguns seguindo adiante e outros carregando uma imensa cruz pelo resto do caminho.

author_photo_smallerCynthia Hand consegue captar toda a emoção do livro e derramar sob o leitor, destacando pontos como culpa, tristeza e reflexão, misturando mais uma vez o aspecto ficção e realidade, no quesito “encarar a morte”, o que é pior: um suicídio, visto como falhas pessoais.

Ela faz sua homenagem àqueles que se foram muito cedo e oferece um diálogo reconfortante a quem já esteve no lugar de sua protagonista.

.

O Último Adeus, de Cynthia Hand

Outro ponto que merece ser ressaltado na narrativa é a quantidade de referências, como Admirável Mundo Novo, Crepúsculo, Peanuts, Tolkien, Coração das Trevas, Ender’s Game, Doctor Who, A Thousand Years, entre outras.

Lembrando que, esse é o primeiro drama/romance de uma autora de fantasia. Dados os motivos, pode-se definir o livro em pequenas palavras, como: magnífico, fabuloso, épico, esplêndido, encantador, lendário.

A DarkSide® criou uma playlist para você curtir enquanto lê o livro, dê o play:

Até logo, até breve.

Ficha Técnica:  Título: O Último Adeus | Autor: Cynthia Hand | Tradutor: Carolina Coelho | Editora: DarkSide® | Especificações: 368 páginas, Limited Edition (capa dura) | Adicione: SkoobGoodreads | Compre: Amazon (realizando a compra por este link, você contribui para o crescimento e desenvolvimento do blog ♥).

♥ Em compromisso com o leitor, sempre informaremos nossas publicidades e, este livro, foi cedido pela DarkSide® Books para resenha no blog ♥

Ycaro Santana

Baiano, 15 anos, estudante. Quando não me encontrar lendo, verás uma extensão infinita de outras possibilidades envolvendo a literatura, seja escrevendo, acompanhando adaptações ou buscando novas opções para viver. Permaneço em meu mundo particular e, algumas vezes ando por este planeta chamado Terra.

Um comentário sobre “Resenha | O Último Adeus – DarkSide®

Deixe uma resposta