Resenhas | A Seleção, A Elite e A Escolha

E aí, pessoal? Comecei a leitura da série A Seleção no final do ano passado aqueles atrasados, sim, depois de séculos do lançamento e de tantos comentários positivos outros nem tanto. Enfim, nesse post vou fazer um compilado da trilogia principal da série (A Seleção, A Elite e A Escolha) e declamar uma base para a história, minha opinião e algumas curiosidades.

A Coroa.

NÃO CONTÉM SPOILERS!

Kiera Cass cria um ambiente distópico bem parecido com outras distopias, mas, ao contrário do que muitos dizem, a história em geral não tem muita relação com outras histórias distópicas. O ambiente do livro é Illéa, um país formado com os “restos” dos Estados Unidos após a Quarta Guerra Mundial com a liderança de Gregory Illéa.

download (3)Título: A Seleção.
Autora: Kiera Cass.
Número de Páginas: 368.
Editora: Seguinte.
Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Illéa está em alvoroço por conta das inscrições para a Seleção, reality show destinado a encontrar uma princesa para ocupar seu futuro cargo na realeza, neste caso ao lado de Maxon Schreave, o príncipe. Uma oportunidade única!

Não para America Singer, uma musicista pertencente a Casta 5, sem vida fácil e apaixonada por um Seis, Aspen Leger. Meri mora em uma casa simples com seus pais e sua irmã, não passa necessidade, mas vive com bastante simplicidade, pouca economia e nada de excessos. Uma boa candidata para a Seleção, mas está disposta a se tornar princesa.

“Regras demais, estrutura demais, gente demais. Eu só queria ficar sozinha com um violino.”

As vontades de sua mãe sempre prevaleceram nas decisões da casa e, desta vez, ela insiste para que America se inscreva no processo de chamada para a Seleção. Pressionada, a srta. Singer envia todos os seus dados com a esperança de não ser chamada e continuar a viver ao lado de sua família e seu grande amor, mesmo que pobres.

Não é o que acontece. America Singer é chamada para representar uma das 35 garotas escolhidas para a Seleção, onde apenas uma se tornará uma princesa real. Será que a inscrição valeu a pena?!

Audrey Hollister, modelo das capas da trilogia.

As selecionadas:

Casta 2: Celeste Newsome, Briel Pratt, Tallulah Bell, Clarissa Kelley e Camille Astor.
Casta 3: Elayna Stoles, Olivia Witts, Fiona Castley, Samantha Lowell, Tiny Lee, Kriss Ambers, Ashley Breouillette, Janell Stanton, Amy Everheart, Kayleigh Poulin, Emily Arnold, Elizabeth O’brien, Jenna Banks, Mikaela Coveny, Mia Blue e Leah Sacks.
Casta 4: Marlee Tames, Tuesday Keeper, Emmica Bass, Anna Farmer, Natalie Luca, Elise Wisks, C.C Lands, Laila Toil, Reeli Tanner, Zoe Peddler e Sosie Keeper,
Casta 5: Lyssa Bow, Hannah Carver e America Singer.

PODE CONTER SPOILERS PARA QUEM NÃO LEU O PRIMEIRO LIVRO DA SÉRIE!

download (4)

Título: A Elite.
Autora: Kiera Cass.
Número de Páginas: 360.
Editora: Seguinte.
Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (♥)

Neste livro America está acompanhada de apenas 5 garotas que disputam a coroa e o título de princesa de Illéa. Passado algum tempo conhecendo Maxon e suas verdadeiras intenções com a futura princesa, America se deixou levar e não sabe mais com quem dividir o seu amor: Aspen ou Maxon?

Com a escassez de garotas na disputa, é ainda mais necessário que as selecionadas estejam aptas para o cargo. America precisa surpreender, mas não sabe se quer mais a coroa do que as outras garotas, mesmo assim é necessário manter a etiqueta bela, recatada e do lar, afinal sua família também recebe um pouco do luxo da realeza. Como um verdadeiro reality, provas são impostas e a escolha fica cada vez mais próxima.

“Tempo. Eu vinha pedindo muito tempo ultimamente. Tinha a esperança de que, se tivesse tempo suficiente, tudo ia se resolver.”

A Elite é uma continuação intensa da série. A cada livro publicado é mais difícil encontrarmos uma série que mantenha o mesmo ritmo, e até nos surpreenda mais que o primeiro livro. É o que ocorre com os livros desta série, sempre evoluindo, mostrando que nem tudo é um conto de fadas, ação também pode “escorrer” dessa escrita.

Chace Crawford, um dos atores mais populares entre os fãs para interpretar Maxon.

As castas:

Casta 1: Nobreza e Clero.
Casta 2: Celebridades, Modelos, Atletas Profissionais, Políticos, Atores e Oficiais.
Casta 3: A Elite, Educadores, Filósofos, Inventores, Escritores, Cientistas, Médicos, Arquitetos, Bibliotecários, Engenheiros, Cineastas, Produtores Musicais e Advogados.
Casta 4: Fazendeiros, Joalheiros, Corretores de Imóveis e de Seguros, Chefes de Cozinha, Mestres de Obra, Proprietários e Donos de Restaurantes, Lojas e Hotéis, Trabalhadores de Indústrias.
Casta 5: Artistas, Músicos, Fotógrafos e Dançarinos.
Casta 6: Secretários, Serventes, Governantas, Costureiras, Balconistas, Cozinheiros e Motoristas.
Casta 7: Jardineiros, Pedreiros, Lavadores e quase todos os Trabalhadores Braçais.
Casta 8: Pessoas com Deficiência. Viciado, Fugitivos, Sem-Tetos e Bastardos.

PODE CONTER SPOILERS PARA QUEM NÃO LEU OS DOIS PRIMEIROS LIVROS!

download (5)

Título: A Escolha.
Autora: Kiera Cass.
Número de Páginas: 352.
Editora: Seguinte.
Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ (♥)

Eram 35 garotas disputando um coração ou uma coroa?. Agora, America está ciente de que o fim está chegando, o dia da decisão está cada vez mais próximo, mas a indecisão ainda lhe percorre a mente. Para quem pensava não ter nenhuma educação, ela se considera uma garota de sorte, inclusive pensa se pode ser a escolhida. Entretanto não é só com a decisão do príncipe que ela deve se preocupar, ela também deve tomar a sua decisão. O povo parece insatisfeito com a Seleção, a situação do palácio não é nada bom com vários ataques dos rebeldes e muita destruição, quase um cenário de guerra.

“Não importa o que você deseja, America, vá atrás com todas as suas forças.”

Kiera Cass consegue balancear muito bem a indecisão da America neste livro, não se torna nada cansativo e ainda há um equilíbrio com a política do país, nada aprofundado, mas uma situação muito bem elaborada, como se fosse a construção de um cenário específico para uma das meninas, a futura princesa. É hora da escolha!

A Escolha consegue ser melhor que A Elite, realmente vemos uma evolução nesta série, ninguém imaginava que um conto de fadas não se tornasse enfadonho em uma trilogia. Mas, a maestria da autora na construção de cada aspecto é impressionante.

Dean Geyer, considerado bom candidato para o papel de Aspen, segundo os fãs. | Fonte: dean-geyer.tumblr.com

Dean Geyer, considerado bom candidato para o papel de Aspen, segundo os fãs. | Fonte: dean-geyer.tumblr.com

“Na história de Ester, existe um rei e uma rainha, porém a rainha se recusa a aparecer em uma festa dada pelo rei. Ele fica furioso e seus conselheiros dão a ideia de que ele traga ao castelo belas moças e escolha uma nova rainha. E o rei faz isso. E traz centenas de garotas ao palácio, que são obrigadas a viver ali para sempre. E Ester é a vencedora. Então imaginei: e se Ester, ou outra garota, fosse apaixonada por alguém de fora do castelo e não quisesse estar ali? Isso não está na Bíblia, então não sabemos. E Cinderela também nunca pediu por um príncipe. Ela pediu por um dia de folga e um vestido novo. Ela queria ir a uma festa.  E se ela não viveu feliz para sempre por que conseguiu o cara cobiçado do reino?” diz Kiera Cass, relacionando America Singer às duas personagens.

Para mim, as comparações com outras distopias são inválidas, além da crítica em relação a construção do cenário, onde uma política e uma divisão de cidade realmente se assemelham. Fora isso, Kiera Cass é original em sua escrita, distribuindo seu foco no drama da protagonista, na competição e na política de Illéa.

Uma história muito boa de ler, mesmo que apenas para entretenimento, caso não queira se aprofundar um pouco mais nos devaneios sobre a construção de Illéa. Um filme sobre a trilogia já é esperado, afinal a Warner Brothers garantiu os direitos de adaptação.

Até breve, até logo.

Participe do Top Comentarista de Maio e concorra ao livro Mentira Perfeita, autografado pela autora, Carina Rissi  😀  | Clique AQUI e saiba como participar!

ecdd2cf48813e1dbc7fbe60ebd26f86a

Ycaro Santana

Baiano, 15 anos, estudante. Quando não me encontrar lendo, verás uma extensão infinita de outras possibilidades envolvendo a literatura, seja escrevendo, acompanhando adaptações ou buscando novas opções para viver. Permaneço em meu mundo particular e, algumas vezes ando por este planeta chamado Terra.

20 comentários sobre “Resenhas | A Seleção, A Elite e A Escolha

  1. Vivian Rocha disse:

    Oi Ycaro!
    Concordo com tudo, gostei bastante da trilogia e não considero ela igual as demais, até porque o mundo distópico fica em segundo plano, achei o final muito corrido, e que a autora poderia ter parado na trilogia e estava de bom tamanho, li os livros lançados e a Kiera não conseguiu o que se propôs uma pena.
    Bjs

    • Ycaro Santana disse:
      Ycaro Santana

      Olá, Vivian! Simmm, a distopia não é o foco principal, é como um acréscimo para deixar a história mais agitada. Eu não li A Herdeira e A Coroa ainda, mas por o que falam sobre, deveria mesmo. Quero todos da autora!

  2. Venus S disse:

    Li todos os livros da trilogia e agora estou lendo o último da série (A Coroa) e sou apaixonada por esse mundo distópico da Kiera, mesmo com todas essas leis e separações. Não acho parecido com nenhuma outra distopia que já li. Concordo 100% com sua opinião sobre a Kiera, mas discordo de você no quesito “qual é o melhor livro?”, acho que o melhor é A Elite, mas okay. Amei sua escrita e sua forma de comentar, parabéns.

  3. Aline Santos disse:

    Oii!!!
    Aaaaah meu livro já chegou e eu tô mto ansiosa pra começar a leitura desse série!
    As capas estão lindas! Eu adoro histórias de fantasias, essa não poderia ser diferente!
    Bjs!!

  4. Jéssica Medeiros disse:

    Achei que faltou um pouco de aprofundamento da Kiera ao falar sobre o sistema distópico e ficou quase superficial. Mas adoro os livros e to ansiosa pra ler os dois últimos lançados <3

  5. Mah Marino disse:

    Eu adorei “A Seleção”, mas concordo que não pode ser comparado a outras distopias, principalmente porque o foco do livro está mais no romance do que na organização social e etc…
    <3

  6. Maria Fernanda Pinheiro disse:

    Eu amei a série ! gostei da distopia criada mas concordo que não é o foco, ri muito em cada atrapalhada da América, e são muitas! ( alerta spoilers) eu não esperava que bem no final do livro teria tantas mortes, mas a do Rei foi bem merecida !
    indico para todos

    • Ycaro Santana disse:
      Ycaro Santana

      Como não amar??? Gostei tanto do romance, que para mim não chegou a ser meloso, quanto da situação distópica de Illéa. *[SPOILER]: Eu também não esperava, me contaram sobre as mortes do rei e da rainha, mas foram tantas outras, Celeste </3. [SPOILER]*. Recomendo para todos também!

  7. crisdesouza disse:

    Olá…
    Definitivamente acho uma ‘furada’ comparar distopias… Cada uma tem seu estilo próprio… Ainda não li essa série, mas ja ouvi tantas coisas boas sobre ela que estou bastante curiosa para lê-la… Adorei o post e confesso que gostaria de ter os livros na mão para começar logo a leitura e tirar minhas próprias conclusões sobre América…
    Abraços

    • Ycaro Santana disse:
      Ycaro Santana

      Oi, Cris. As comparações entre distopias estão cada vez mais presentes no mundo literário – infelizmente -, concordo que há algumas bem parecidas, mas parando para pensar é bem difícil não sair algo semelhante tendo como base um governo autoritário, divisão de classes e um futuro distópico. Recomendo muito, espero que leia assim que puder!

  8. Lary lima disse:

    Bom eu não tive a oportunidade de ler ainda infelizmente <\3 mas gostei da simplicidade da america mas a beleza que ela tem ea força de vontade também e um pouco de uma história fantasiosa mas que aparentemente prende o leitor a indecisão da personagem e sempre bem vinda mas mesmo que nos tucanos indecisos também kkkkkkk ler e maravilhoso ja ouvi muito sobre o livro infelizmente acabei lendo o spoiler <\3 mas vou conseguir superar isso bjs

  9. Marlene Conceição disse:

    Oi.
    Eu amei a forma como colocou todas as resenhas juntas em um único post, isso com certeza é inovador.
    Eu li essa trilogia e sinceramente odiei a América com todo meu coração do início ao fim, ho mulhezinha indecisa essa hem, brincando com os sentimentos do nosso querido Maxon.
    Enfim essa foi a leitura mais maçante da minha vida, mas confesso que lá dentro beeeeeeem la dentro eu gostei da série em si.
    Boa Noite.

  10. Flávia Pachêco disse:

    Nunca li outras distopias, então não tenho como comparar o cenário se é parecido ou não. Só sei que eu gostei demais. Para mim, que sou fã de romances, o cenário apareceu na quantia certa, servindo apenas como o pano de fundo para a história, e eu gostei muito disso.
    Sou apaixonada demais por essa série, ai meu coração! Vou ter que reler um dia! Haha e será incrível se realmente lançarem um filme né?! Aliás, seria muito legal se virasse uma série televisiva pra acompanhar toda semana, haha.
    Bom, eu já li tb A Herdeira e os contos, meus favoritos foram o da mãe do Maxon e o da Marlee. Porém ainda não li A Coroa, tenho aqui mas ainda não li, porque simplesmente NÃO ESTOU PREPARADA PRA ME DESAPEGAR DELES! :(((( hahahah
    Uma das melhores séries, na minha humilde opinião <3

    • Ycaro Santana disse:
      Ycaro Santana

      Distopias são maravilhoooosas. Eu gostei bastante, mesmo não sendo um fã declarado de romance, há alguns que me interessam bastante. A Seleção é maravilhoso, a mesclagem de romance com política é sensacional e na medida. Estou querendo bastante o filme, mas queria também uma série de TV, seria bem mais proveitoso. Não li A Herdeira, muito menos A Coroa, mas QUERO. Melhor série ♥.

Deixe uma resposta