Resenha | Encontrada

Oi leitores, tudo bem?

ATENÇÃO! Se você ainda não leu Perdida, primeiro livro da série, este post pode conter Spoillers. Leia a resenha de Perdida aqui.

Encontrada_blogarafaelagodoyTítulo: Encontrada – À espera do felizes para sempre.
Autora: Carina Rissi.
Número de Páginas: 476.
Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥

.

Sofia está de volta ao século dezenove e mais que animada para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke. No entanto, em meio à loucura dos preparativos para o casamento, ela percebe que se tornar a Sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava.
As confusões encontram a garota antes mesmo de ela chegar ao altar — e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas estão acontecendo na vila. Ian parece estar enfrentando alguns problemas que prefere não dividir com a noiva.
Decidida, Sofia fará o que estiver ao seu alcance para ajudar o homem que ama. Ela não está disposta a permitir que nada nem ninguém atrapalhe seu futuro. Porém suas ações podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir seu felizes para sempre é ela própria.

Encontrada é o segundo livro da série Perdida, criada pela Carina Rissi. Autora brasileira que ganhou meu coração e minha admiração.

Fonte: Google Imagens.

Fonte: Google Imagens.

Carina Rissi é uma leitora voraz, sempre lê a última página de um livro antes de comprá-lo e tem um fascínio inexplicável pelo tema “amores impossíveis”. Vê nas obras de Jane Austen uma fonte de inspiração. Quando se desgruda dos livros – tanto dos que lê quanto dos que escreve –, Carina se diverte assistindo a comédias românticas ao lado da família e planejando viagens a lugares exóticos que não conhecerá tão cedo, devido ao seu pavor de avião. Nasceu em Ariranha, interior de São Paulo, onde mora atualmente com o marido e a filha, após ter vivido uma curta temporada na capital paulista. Seu primeiro livro, Perdida: um amor que ultrapassa as barreiras do tempo, foi traduzido e publicado na Alemanha, onde entrou para as listas de mais vendidos. Procura-se um marido é seu segundo livro.

Este livro também é narrado pela Sofia. A estória continua com ela de volta ao século dezenove, e desta vez, voltou para ficar, com a ajuda da sua fada madrinha. Começam os preparativos para o casamento porém, é impossível que esta celebração seja perfeita porque, para quem leu Perdida, sabe o quanto a Sofia é atrapalhada e claro, totalmente fora dos padrões da sociedade em que escolheu viver, o que é totalmente normal, já que ela sempre viveu no século vinte e um e tinha outros costumes.

Fonte: Google Imagens.

Fonte: Google Imagens.

Alguns acontecimentos podem acabar com a felicidade do casal. Intrigas, mentiras, línguas maldosas, um tia perversa contra essa união, uma sociedade rígida… Porém, o amor sendo a arma mais poderosa de todas, ultrapassa qualquer barreira. Sofia passa a entender a importância de se sacrificar pelas pessoas que ama.

Ela tem 25 anos mas é extremamente teimosa e se comporta como uma adolescente rebelde. Fato é que ela precisa aprender a conviver com os costumes e regras deste século, afinal, ninguém sabe que ela veio do futuro e mesmo que soubessem, não seria justo a sociedade aceitar seus costumes só para agradá-la.

Ian amadurece, passa a ter atitudes de um homem maduro e tem voz firme dentro de sua casa. Mas também se mostra vulnerável com seu medo em perder Sofia novamente. Ele é um perfeito cavalheiro que só existe nos livros, claro. Ele ama Sofia a seu modo e faz de tudo para deixá-la confortável mas ela não se agrada em ser tão mimada por ele.

Que a Carina é mega fã de ‘Orgulho e Preconceito – Jane Austen‘ isso todo mundo que leu a série já percebeu. Nos livros da série existem muitas semelhanças com o livro da Jane, principalmente Encontrada. A personagem Cassandra lembra muito a tia do Sr. Darcy. Sempre colocando defeito em tudo e criticando Ian pela escolha da esposa. Ela vive nos costumes da sociedade e gosta de humilhar qualquer pessoa que não seja do mesmo nível social que o seu. Enfim, uma mulher terrível.

Orgulho e Preconceito - Filme. Fonte: Google Imagens.

Orgulho e Preconceito – Filme. Fonte: Google Imagens.

“Para mim realmente não importa onde estamos, para onde vamos, desde que você esteja comigo”.

Neste livro, Ian guarda um segredo de Sofia, e é por causa deste segredo que os planos deles para a lua-de-mel vão por água abaixo. Sofia, tentando ajudar Ian, apronta uma das boas.

É difícil comentar mais sobre a estória sem dar spoilers, então peço minhas sinceras desculpas pelo post estar tão curto e não conter tantas informações do livro. Acredito que se eu contar mais, perde a graça e eu não quero ninguém me odiando por contar o que não devia, rs. No geral eu gostei do livro mas, meu favorito com certeza é o primeiro. Achei o final surpreendente e inesperado, adorei.

Na minha mais sincera opinião, achei que a quantidade de páginas é um exagero. A Carina poderia ter enxugado bastante a estória em muitas partes. Teve bastante enrolação mas no geral, é bem legal.

Eu fico por aqui e, em breve, trarei a resenha de Destinado, terceiro livro da série e desta vez, narrado pelo Ian Clarke.

Beijos 

TopComentaristaNovembro_blogarafaelagodoy

Clique AQUI para participar!

Acompanhe o blog nas Redes Sociais: FacebookTwitterInstagramGoogle +

Rafaela Godoy

Blogueira por paixão ♥ Paulistana, 27 anos, estudante de produção de Websites. Esposa do Samuel. Apaixonada pelos animais de estimação, por livros, séries e filmes.

24 comentários sobre “Resenha | Encontrada

  1. lary lima disse:

    Pra mim esse livro nossa e tudooo eu tenho o perdida éo encontrada e eu RI e chorei nos dois mais o perdida ele fez eu chorar muito e RI muito das doidices na Sofia ainda mas qndo ela se perde no seculo 19 e nesse tempo n existia as tecnologias de hoje nem banheiro kkkkkkkkkkk a “casinha” folha de alface kkkkkkkkkk pra quem leu sabeo quanto e maravilhoso e eu lendo me imaginava naqueles vestidos bufantes e quando o livro descreve o ian e de tirar o folegooo l!!! O encontratada e muito top também da continuação e acontece muita coisa o casamento foi muito engraçado e eu sinceramente fiquei com medo da tia Cassandrakkkkkkkk e quando ccomeçou Aquele boata estranho que se acontecia com as moças da cidade eu ja desconfiava oq era ❤ em fim eu amei os dois e muito muito só me falta o destinado ❤ carina uma autora maravilhosa ❤

    • Rafaela Godoy disse:
      Rafaela Godoy

      É Lary, me encantei com a estória que a Carina criou, com os personagens. Só fiquei conhecendo esse ano, graças a uma amiga (Nina – olha que coincidência) que me apresentou esse livro que hoje, é um dos meus favoritos.

      Beijos e boa sorte no sorteio de Destinado.

  2. Daniele de Amorin Venturini disse:

    Rafaela concordo com você em relação ao número de páginas,principalmente quando se trata de continuações do mesmo casal,têm que tomar cuidado para não acabar ficando só na enrolação em algumas partes…Mais tirando isso,o resto me parece ser muito bom…anda difícil achar um mocinho cavalheiro,perfeito e fofo,como foi que pareceu na sua descrição! Gostei bastante.

    PS: Essa imagem do casal de Orgulho e Preconceito É linda néh…se associar com o livro então deve ser lindo também!
    bjos :*

    • Rafaela Godoy disse:
      Rafaela Godoy

      Oi Dani, pois é, este livro é maior que o primeiro. Senti que em alguns momentos foi um pouco enrolado mas no geral, é bem legal.

      De Orgulho e Preconceito, só vi o filme até agora. Comprei o livro recentemente e não vejo a hora de ler.

      Beijinhos.

  3. Denise Souza disse:

    Quem me conhece sabe do meu amor incondicional pela Carina, esse amor que só aumenta desde 2013. Essa mulher é um arraso, já a encontrei pessoalmente três vezes e posso dizer que além de autora, ela acaba se tornando amiga de seu leitores, pois sempre que a vejo ela me reconhece de imediato e isso só a torna mais linda ainda para mim.A série Perdida é sem dúvida a minha favorita, Encontrada me tirou vááárias gargalhadas e muuuuuitos suspiros, afinal meu sonho de vida é arranjar um Sr. Clarke pra mim, mas tá difícil kkkkkkk
    A Cassandra é terrível, ô mulherzinha! Já a Sofia, estabanada como sempre, não poderia ser melhor.

    • Rafaela Godoy disse:
      Rafaela Godoy

      Ai Denise, que fofa… a Carina deve ficar super orgulhosa de ter leitoras tão apaixonas pelos personagens dela como você! Também tive a honra de encontrá-la uma única vez (por enquanto), ela é uma fofura!

      Beijos Denise, apareça sempre!

  4. Alice Pereira disse:

    Não sei porque mas eu achei muito mais fácil imaginar a historia na minha cabeça nas partes que se passam no seculo XIX, do que nas partes que se passam um seculo XXI (o que achei legal, pq aquela época era muito mais linda que hj em dia) RI muito com sofia, e ne encantei com o Ian como sempre. A carina é uma escritora maravilhosa.

  5. Laila Fernanda disse:

    Meus amores! Milhões de suspiros por esse casal. Conheci Carina “sem querer” e hoje sou apaixonada por todos os livros dela. Mas em especial a série Perdida, é uma coisa tão intensa, tão profunda. Me faz querer sempre mais e mais.
    Ansiosa pela resenha de Destinado!!! <3
    Beijinho.

    • Rafaela Godoy disse:
      Rafaela Godoy

      Laila, quero fazer uma resenha bem trabalhada de Destinado. Prometo publicar até o final de novembro, está bem?
      Por enquanto, só li a Série Perdida da Rissi. Mas quero ler os outros o quanto antes…
      Beijinhos.

  6. Lauanda Sousa disse:

    Eu amo tanto essa série, e perdida é aquele tipo de livro que você devora em um dia. Depois de ler perdida alguns pensamentos meus mudaram, me apaixonei mais ainda quando li encontrada. eu achava “Perdida” tao perfeito que talvez a autora não conseguiria acompanhar o ritmo em encontrada, mas fiquei besta quando li. É perfeito. apaixonante. fascinante. agora só falta eu ler destinado. sou apaixonada pelo Ian ♥♥♥

  7. emanoelle souza disse:

    agora me diz, Como não amar os livros da Carina? Ela é minha autiora nacional preferida! já li Perdida e Encontrada e to mega curiosa para ler Destinado! adorei a tua resenha e já to ansiosa e curiosa para a resenha de Destinado.

  8. Aline Rodrigues Teixeira disse:

    Oi Rafaela. Tudo bem? Também acho a quantidade de páginas um pouco exagerado, mas nada que me faça perder o amor pelos livros da autora. Só uma coisa a dizer: amo esse livro demais! O estilo de escrita da Carina prende a gente do começo ao fim, eu simplesmente não consigo tirar os olhos do livro enquanto não termino de ler todo… Aconteceu isso também em Procura-se um marido e No mundo da luna, é espetacular a forma como ela desenrola as historias. Os livros da Carina são os queridinhos da minha estante.

    • Rafaela Godoy disse:
      Rafaela Godoy

      Eu também adoro a Carina. Só li Perdida e Encontrada. Agora comecei a ler Destinado e já estou amando. O Ian é um amorzinho né?
      No Mundo da Luna eu já tenho e pretendo lê-lo em breve.
      Fica faltando Procura-se um Marido pra completar minha coleção.
      Super beijo.

  9. Letícia Souza disse:

    Oie
    Eu sou mega fã da Carina então claro que adorei Encontrada.O Ian está um amorzinho e a Sofia continua desastrada e maluca.Dei muitas risadas com as trapalhadas dela.E aquela cena que ela arranca aquela “armadura” que as mulheres usam debaixo dos vestidos,da tia do Ian acho bem engraçada.A Elissa me conquistou assim como seu irmão,e o filho da Tia Cassandra também tem seu lugar na minha lista de queridinhos.E o final é um amor <3

Deixe uma resposta