Clássicos do Infantojuvenil

Top 5 | Clássicos do Infantojuvenil

Olá leitores, como vocês estão?

Hoje a Rafa tirou um dia de folga, e eu (Samuel) aproveitei para fazer o meu primeiro post.

Eu apresentarei para vocês 5 livros infantojuvenis que, apesar da idade (mais de 130 anos), todos, no mínimo, já ouviram falar. Também não é pra menos, essas estórias fizeram tanto sucesso que sempre são citados em filmes, séries e livros, quando não, são feitos adaptações. Não é por acaso que são considerados Clássicos.

Clássicos do Infantojuvenil

As Viagens de Gulliver1. As Viagens de Gulliver | Jonathan Swift (1726).

Nesta obra, Jonathan Swift conta as aventuras de Lemuel Gulliver, um cirurgião naval que faz às vezes de curioso, observador, repórter e, por vezes, vítima das circunstâncias nas terras mais estranhas. Em Liliput, Gulliver depara-se com minúsculas pessoas e vê a si mesmo como um gigante. Em Brobdingnag, o contrário acontece – ele é um ser minúsculo perto dos nativos gigantes. A ilha de Laputa é o cenário da sua terceira viagem – os habitantes ocupam-se em complôs e conspirações enquanto o país esvai-se em ruínas. Finalmente, ele encontra os Houyhnhnms, cavalos que governam o próprio país, e também os yahoos, seres bestiais que lembram os humanos (L&PM POCKET).

Moby Dick

2. Moby Dick | Herman Melville (1851).

O livro traz o relato de um marinheiro letrado, Ishmael, sobre a última viagem de um navio baleeiro de Nantucket, o Pequod, que parte da costa leste dos Estados Unidos rumo ao Pacífico Sul, onde encontra o imenso cachalote branco que, no passado, arrancara a perna do vingativo capitão Ahab. Ao longo de 135 capítulos, Herman Melville explora diversos gêneros literários para compor sua história, da narrativa de viagens ao teatro shakespeareano, do sermão à poesia popular, passando pela descrição científica e a meditação filosófica (Editora: COSAC NAIFY).

.

Viagem ao Centro da Terra

3. Viagem ao Centro da Terra | Júlio Verne (1864).

Um enigmático pergaminho cai nas mãos do professor Lidenbrock, que pede ajuda ao sobrinho Axel para desvendá-lo. Uma a uma, as letras rúnicas são decifradas. A mensagem faz com que o professor decida partir de Hamburgo, na companhia de Axel, em uma arriscada expedição rumo à Islândia, em busca do centro da Terra. Uma viagem fantástica estava para começar, e ninguém poderia dizer de que maneira ela terminaria (Editora: MODERNA EDITORA).

.

Alice no País das Maravilhas

4. Alice no País das Maravilhas | Charles Lutwidge Dodgson (1865).

O livro conta a história de uma menina curiosa que decide seguir um coelho branco, quando de repente cai em sua toca e é levada a um reino onírico, onde convive com criaturas estranhas e se envolve nas mais inusitadas aventuras. Alice vivi uma alucinante viagem pelo mundo da imaginação, apimentada com jogos psicológicos, desafios matemáticos, alusões filosóficas, sátiras, charadas, trocadilhos e outras brincadeiras linguísticas (Editora: Universo dos Livros).

.

A Ilha do Tesouro

5. A Ilha do Tesouro | Robert Louis Stevenson (1883)

Um mergulho inesquecível no mundo das aventuras. Piratas, mar, mistérios, índios, povos estranhos e deuses desconhecidos são personagens que povoam as páginas desta encantadora história. Homens rudes e ambiciosos, sábios e curiosos, todos aventureiros em busca de uma fortuna incalculável, um tesouro perdido em algum lugar (Editora: MARTIN CLARET).

.

.

Compartilhe conosco quais são os clássicos do infantojuvenil que vocês mais gostam. Comentem também, filmes, séries, novelas, etc, que fizeram referencias ou homenagens a esses grandes clássicos.

Espero que tenham gostado!

Até a próxima.

Samuel Bastos

Eu sou marido da Rafa. Fico mais nos bastidores, tentando auxilia-la nos posts, mas principalmente com as configurações do Blog.

17 comentários sobre “Top 5 | Clássicos do Infantojuvenil

  1. Ycaro Brito disse:
    Ycaro Brito

    Olá, Samuel! A literatura infanto-juvenil consegue ser bem leve e agradável, o que me encanta. Os livros citados são, realmente, muito conhecidos, por minha parte excluo apenas o conhecimento de Viagem ao Centro da Terra. Não há como não se encantar por tais leituras, especialmente quando citamos As Viagens de Gulliver e Alice no País das Maravilhas. Abraço!

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Ycaro.
      Eu gosto muito do gênero, e foi difícil escolher apenas 5 obras.

      Escolhi “Viagem ao Centro da Terra”, dentre outros motivos, porque a Warner Bros. Pictures lançou uma trilogia baseado no livro (“Viagem ao Centro da Terra – O Filme” em 2008; “Viagem 2: A Ilha Misteriosa” em 2012; “Viagem 3: Da Terra á Lua” está previsto para 2016)

      Eu recomendo os livros de Julio Vernes, e pretendo escrever um post sobre o autor.
      Após ler ou assistir os filmes, conte-me o que achou, combinado?
      Abraço.

  2. Carine disse:

    Alice no Pais das maravilhas é um clássico! rs também me recordo de ter lido os livros e assistido aos filmes de “O menino Maluquinho” e ” Peter Pan”. Gostei do post, parabéns ao casal 🙂

  3. Samuel Bastos disse:
    Samuel Bastos

    Olá Carine.

    Sobre o Peter, mais uma obra com mais de cem anos, está com um filme em cartaz. Ainda não assisti, mas o Trailer tem imagens muito bonitas.

    Quando criança, me lembro de ter colocado uma panela na cabeça pra imitar o Menino Maluquinho. Você já leu ou assistiu “Uma Professora muito Maluquinha” também do Ziraldo? Se não, fica a minha recomendação.

    Quando ler ou assistir conte-me o que achou, combinado?

    A Rafa e eu agradecemos pelo carinho. Abraço.

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Emanoelle.

      A maioria das editoras classifica Moby Dick como juvenil (10 a 15 anos), mas é possível encontrar versões ilustradas adaptada para o publico infantil.

      Um dos motivos pelo qual eu escolhi, é por ter visto parodia em dois desenhos que eu adorava quando criança: Pica pau (Dopey Dick) e Tom e Jerry (Dick Moe), ambos disponíveis no youtube.

      Se assistir as parodias, não se esqueça de nos contar o que achou, combinado?

      Abraço.

  4. Alessandra Fernandes disse:

    Olá, Samuel, tudo bem?
    Achei muito legal você citar neste post esses clássicos do infanto-juvenil. Quem nunca leu Alice no País das Maravilhas, né? Para mim é a melhor história. Já os outros citados assisti somente aos filmes e te digo que são verdadeiramente incríveis e adoraria ler as suas obras.
    Abçs!

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Alessandra.

      Afinal, foi apenas um sonho, ou Alice realmente entrou pela toca do coelho?

      Quando ler as outras obras, não se esqueça de nos contar a sua opinião.

      Abraço.

  5. Tatiana disse:

    Opa, maridão no comando rs! Mandou bem. Não li nenhum desses livros, alguns só adaptações. Vi no cinema Viagem ao Centro da Terra com o Brendan Fraser (foi o primeiro em 3D a que assisti), só depois descobri que era baseado num livro. E parece que Julio Verne arrasa nas histórias fantásticas que escreveu.
    Comprei uma edição de Alice recentemente, finalmente vou ler a história original. Aquele filme de animação já vi centenas de vezes rs. O bom é que vários livros infanto-juvenis continuam interessantes mesmo depois que crescemos, sem ser enfadonhos. Eu pelo menos ainda quero ler vários clássicos desses.
    Ótimo post, Samuel! Continue aí dando uma força pra Rafa! ;D

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Tatiana.

      Quando eu estava no ensino médio eu li algumas obras de Julio Verne, por isso fiz questão de escolher uma para colocar no post, mas ainda não assisti o filme. Vou colocar na minha lista, para não esquecer.
      Alice eu li recente em e-book.
      O que eu gosto das estórias infantis e infantojuvenis, é que de acordo com a fase que vivemos, tiramos conclusões diferentes, enxergamos outra moral da história.

      Após ler Alice, não esqueça de nos contar o que achou, combinado?

      Obrigado pelo carinho.

      Abraço.

  6. Jéssica Maria disse:

    Nunca li nenhum dos livros citados ,mas tenho interesse em todos ,hahahaha ,mas o que está no topo da lista é Alice no país das maravilhas ,sempre fui apaixonada pela história e espero muito conseguir ler o livro

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Jéssica.

      Não perca tempo e leia Alice, com certeza você irá adorar.

      Uma das conversas que eu mais gosto, é a discussão sobre o trocadilho, quando a Alice conhece o Chapeleiro Maluco:
      “Então deveria dizer o que pensa” Disse a lebre.
      “Pelo menos eu penso o que digo, não é a mesma coisa, não?” Disse Alice.
      “Nem de longe, seria como dizer ‘vejo o que como’, e ‘como o que vejo’. ‘respiro quando durmo’ e ‘durmo quando respiro'”.Disse o Chapeleiro.

      Após ler, não se esqueça de nos contar o que mais gostou, combinado?

      Abraço.

    • Samuel Bastos disse:
      Samuel Bastos

      Olá Mariele.

      Eu tenho em e-book, Alice Através do Espelho, mas ainda não li, você leu? Em maio de 2016 deve ser lançado o filme.
      Pesquise e leia, sim. Você irá gostar.

      Conte-nos a tua opinião, após ler, combinado?

      Abraço.

  7. Vitor Leonardo disse:

    Dos livros acima só li Viagem ao Centro da Terra, adorei viver essa aventura, aina releio algum dia! Tenho vontade de ler Alice no País das Maravilhas por incrível que pareça kkk

  8. Samuel Bastos disse:
    Samuel Bastos

    Olá Vitor.

    Pelos comentários dá pra ver que Alice é o livro preferido de todos.
    Por você ter gostado do Viagem ao Centro da Terra, um livro que eu te recomendo, é O Mundo Perdido, do Arthur Conan Doyle, criador dos livros Sherlock Holmes.

    Não se esqueça de deixar o teus comentários aqui após ler os livros.

    Abraço.

Deixe uma resposta